Save Preloader image

0%

EnglishPortugueseSpanish
 Contabilidade para o comércio varejista: entenda como funciona

Contabilidade para o comércio varejista: entenda como funciona

A carga tributária no segmento do comércio varejista é complexa e, portanto, demanda bastante estudo e habilidade para fazer uma gestão contábil eficiente. Não são raros os casos em que uma empresa acaba pagando impostos de maneira excessiva por falta de um direcionamento assertivo e acompanhamento de uma equipe especializada. 

Por isso, a contabilidade para o comércio varejista evidencia sua indispensabilidade. Afinal, a partir dela não apenas se torna possível a proteção do patrimônio como, inclusive, a recuperação de créditos nos casos de pagamentos indevidos de tributos. Mas, sem sombra de dúvidas, um dos principais benefícios desta relação se pauta pelo planejamento tributário e fiscal e consequente saúde do negócio. 

Atualmente a Receita Federal reconhece três tipos de empresas, quais sejam: Simples Nacional, Lucro Presumido e Lucro Real. Logo, cada regime possui uma carga tributária específica. Assim sendo, dispõe de diferentes formas de se calcular impostos como, por exemplo, o PIS (Programa de Integração Social) e COFINS (Contribuição para Financiamento da Seguridade Social).  

 

Comércio varejista

Entram na categoria de varejo os empreendimentos que trabalham diretamente com o consumidor final. De acordo com pesquisas conduzidas pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), embora o segmento seja composto por empresas de menor porte, são responsáveis por cerca de 73,7% dos empregos do país. Em resumo, são fundamentais para a saúde e desenvolvimento da economia brasileira. 

Em 2020, ano marcado pelo pior cenário da pandemia da Covid-19, o comércio varejista foi impactado pelas mudanças impostas pelo vírus. Entretanto, ainda assim, a média anual fechou em alta de 1,2%, segundo a Pesquisa Mensal do Comércio (PMC). Dentre os fatores que contribuíram para a sobrevivência dos varejistas diante de um cenário de crise estão as modalidades de e-commerce, compras online e gestão. 

A gestão estratégica merece um destaque especial visto que pode ser compreendida como um item indispensável para o sucesso de qualquer negócio. Fazer com que ela ocorra de maneira combinada ao serviço contábil viabiliza o enquadramento tributário, fiscal e econômico adequado para o nicho do empreendimento, ou seja, a sua área de atuação. 

 

Serviço contábil 

Ao ter contato com uma contabilidade especializada em comércio varejista, a empresa acaba se protegendo de riscos potenciais. Ou seja, aqueles que poderiam prejudicar, de maneira significativa, o planejamento financeiro. Isso tudo porque, como mencionamos anteriormente, os tributos que incidem no segmento varejista são complexos e repletos de regras que não podem, de modo algum, serem negligenciadas. 

Para além das questões tributárias e fiscais, o serviço contábil no varejo viabiliza a produção de relatórios e informações que são indispensáveis para o negócio. Em outras palavras, entrega detalhes de grande valia para adequar e desenvolver estratégias assertivas. Com isso, marca presença nas diferentes instâncias da empresa, desde o alinhamento processual até a gestão financeira. 

Gostou do artigo desta semana? Quer saber mais detalhes sobre esse assunto? Acesse o site da Contac Contabilidade para solicitar orçamentos ou acompanhar as principais notícias e atualizações sobre o universo empresarial, de finanças e contabilidade. Nos acompanhe também no Instagram, YouTube e no Facebook.

Onde Estamos

  • Avenida Oeste, 319 - Setor Aeroporto - Goiânia/GO | CEP 74075 110
  • 62 3240 0400

Atendemos Goiânia, Brasilia e Tocantins

© Contac Contabilidade - CRC/GO 882 - Todos os direitos reservados

Desenvolvido por Grifo Propaganda